Notícias

Projeto Sustentável: Tecnologias Agrícolas de Baixo Carbono chegam a região de Batalha-AL

O Projeto Rural Sustentável Caatinga, em parceria com organizações de Alagoas e Sergipe, coloca em prática ações para adoção de Tecnologias Agrícolas de Baixo Carbono, em parceria com seis Arranjos Produtivos Locais Sustentáveis-APL. O Programa, que tem previsão de capacitar 600 especialistas, será apresentado na próxima quinta-feira, dia 25, às 8h, na sede do Clube ABC, em Bartalha-AL.

As organizações parceiras são FUNPET, Instituto Terra Viva, Instituto Irmã Dorothy-IRDA e SERTA, em Alagoas, a Agendha e o Centro Dom José Brandão de Castro-CDJBC, em Sergipe. Na ação estão envolvidas cooperativas e associações produtivas, formadas por pequenos produtores rurais.

O Encontro dura três dias, de 23 a 25 de novembro, para apresentação da equipe de coordenação e das entidades, além da definição de estratégia de atuação e elaboração de plano de trabalho, para orientação na implementação de tecnologias de baixo carbono. Todas as atividades atendem às medidas de segurança para evitar o contágio pelo novo Coronavírus, com distanciamento, uso de máscara e álcool em gel.

O PRS Caatinga trabalha para evitar as emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE), combater a pobreza e aumentar a renda de produtores no semiárido. A iniciativa começou em 2020 e investiu na qualificação de organizações prestadoras de serviço de Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER), como estratégia para qualificar o trabalho destes profissionais, que compartilham novos conhecimentos com os produtores.

Em parceria com Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF), foi realizado o curso de especialização “Tecnologias de Baixa Emissão de Carbono: Fortalecendo a Convivência com o Semiárido”. Agora, após a sua conclusão, os novos especialistas irão apoiar organizações na implementação de Arranjos Produtivos Locais Sustentáveis, em 37 municípios de cinco estados – Alagoas, Bahia, Pernambuco, Piauí e Sergipe.

“O objetivo é chegar na ponta, na propriedade, no pequeno agricultor, e levar esses novos conhecimentos, mostrando para eles como as tecnologias de baixo carbono se dão na prática. Com o apoio às organizações estamos oferecendo assistência técnica qualificada”, disse Pedro Leitão, diretor do PRS Caatinga.

Sobre o PRS Caatinga

O Projeto Rural Sustentável Caatinga é uma iniciativa financiada pelo Fundo Internacional para o Clima do Governo do Reino Unido, em cooperação com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), tendo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) como beneficiário institucional. A execução do PRS Caatinga é realizada pela Fundação Brasileira para o Desenvolvimento Sustentável  

(Visited 3 times, 3 visits today)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *